• Ultranacional a Amarelinha

JOGOS NA ARENA

Mauro critica implicância com Copa América: “Virou o grande vilão”

O governador de Mato Grosso argumenta que grande maioria das delegações joga na Europa e já está vacinada e implicância com o evento não faz sentido

Publicados

em

Foto: Mayke Toscano/Secom-MT

O governador Mauro Mendes (DEM) criticou a implicância com a realização da Copa América em Cuiabá. “Eu não sei o por quê dessa implicância. Parece que ela virou o grande vilão. Como se nada estivesse acontecendo, como se todo mundo estivesse paradinho em casa”, disse.

A declaração foi feita aos jornalistas, na inauguração da nova Delegacia Especializada da Mulher, na manhã desta terça-feira (9), em Cuiabá, em resposta aos questionamentos da imprensa sobre notificação do Ministério Público Federal (MPF) que quer explicações do Estado e da Prefeitura de Cuiabá acerca das medidas de biossegurança para o torneio.

“Vamos falar a verdade: hoje existe uma série A, série B, série C, série D, Copa do Brasil, Sul-Americana, Libertadores da América, Eliminatórias da Copa do Mundo tudo acontecendo. A gente devia aproveitar e notificar também todo mundo inteiro no Brasil”, argumentou o governador, apontando para a aglomeração dos jornalistas na entrevista: “então vai ter que notificar todo mundo”.

Ultranacional a Amarelinha

Mauro lembrou que os estádios estarão fechados e que um rígido protocolo de  biossegurança e testes fazem parte do plano de ação para evitar o contágio da covid-19 durante a competição. “Gente, pelo amor de Deus, vão vir aí 40 a 50 pessoas por delegações. Essas pessoas, a grande maioria joga na Europa, já estão todos vacinados

Nessa segunda-feira (8), o ministro da Saúde Marcelo Queiroga e dirigentes médicos da Conmebol e da Confederação Brasileira de Futebol (CBF) anunciaram o protocolo de segurança sanitária aprovado, em que os estádios não receberão torcedores, jogadores e delegação serão testados a cada 48 horas e ficarão isolados em hotéis, podendo sair apenas para treinos e partidas.

Haverá também esquema rigoroso para vigilância e isolamento no transporte, nas viagens, nas hospedagens, nos treinos e nas partidas. Os jogadores e os membros das delegações ficarão em quartos separados. Os trabalhadores que estiverem em contato com as comitivas também serão monitorados e submetidos a testes de covid. 

Fonte: Repórter MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Polícia Civil apreende combustíveis e armas de fogo em operação em Comodoro
Propaganda

GERAL

Polícia encontra bandidos do Novo Cangaço hospedados em hotel de MT

No local, os policiais encontraram alguns materiais usados no crime e um montante em dinheiro.

Publicados

em

Bandidos foram presos pelo GCCO. - Reprodução

Por G1 MT

Dois suspeitos de fazer parte da quadrilha que assaltou duas agências bancárias, em Nova Bandeirantes (MT), no dia 4 deste mês, foram presos pela Polícia Civil nesta quarta-feira (23), em Nova Monte Verde, que fica a 54 km da cidade onde aconteceu o roubo.

Os criminosos são procurados há mais de 15 dias. Durante esse período de buscas, seis deles foram mortos em dois confrontos com policiais do Batalhão de Operações Especiais (Bope) e da Força Tática. Ao todo, cerca de 20 pessoas teriam participado do assalto às agências, na modalidade Novo Cangaço.

Eles estavam hospedados em um hotel, em Nova Monte Verde.

Cerca de 200 mil foram recuperados pela polícia — Foto: Assessoria

Cerca de 200 mil foram recuperados pela polícia — Foto: Assessoria

Durante as buscas e confrontos desde a data do assalto, aproximadamente R$ 200 mil em espécie foram recuperados pela polícia.

Nesta terça-feira (22), agentes do Bope e da Força Tática encontraram R$ 45 mil escondidos em uma região de mata em Nova Bandeirantes. O dinheiro seria parte da quantia roubada dos bancos.

Antes disso, no dia 10, quatro foram mortos pela polícia. Na ocasião, mais de R$ 160 mil também foram recuperados.

E, nessa segunda-feira (21), outros dois assaltantes morreram após troca de tiros com os agentes. Com eles, a polícia encontrou R$ 43.510 em espécie.

O Bope acredita que a nova quantia encontrada nesta terça-feira foi deixada por um dos assaltantes que conseguiu fugir durante o último confronto.

A polícia estima que cerca de 20 pessoas participaram do assalto no estilo ‘Novo Cangaço’, que fez mais de 30 pessoas reféns. Os criminosos estavam armados e usavam roupas camufladas.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MT terá meses de calorão durante o dia e frio de 14 graus à noite
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA