TENTATIVA DE HOMICÍDIO

Homem tenta matar ex enforcada e se esconde embaixo de carro para não ser preso em MT

No caminho até a delegacia, o agressor ameaçou os policias dizendo que tinha influência com delegados e que faria de tudo para prejudica-los.

Publicados

em

Um homem de 22 anos foi preso, na madrugada desta quarta-feira (13), após tentar matar a ex-namorada enforcada, no bairro Doutor Fábio, em Cuiabá.

A mulher só não foi morta porque mãe dela flagrou a ação e conseguiu impedir. Com isso, o homem pulou o muro e fugiu correndo do local. Um tempo depois, ele passou na frente da casa da vítima fazendo um ‘show’ com sua moto.

De acordo com a Polícia Militar, a mulher, 27 anos, foi até uma base da PM no bairro 3 Barras e pediu ajuda aos militares. Ela relatou que o acusado não aceita o término do relacionamento.

Os policiais foram até a casa do homem, que foi encontrado escondido embaixo de um carro. Na abordagem, ele se negou a entrar na viatura e tentou fugir correndo.

Os militares atiraram no braço do agressor com uma arma não letal.

O homem foi encaminhado para a Delegacia da Mulher.

No caminho, o agressor ameaçou os policias dizendo que ‘tinha influência com delegados e que faria de tudo para prejudicá-los’.

 A Polícia Civil vai investigar o caso.

FONTE: terramtdigital.com.br

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Pontes e Lacerda/MT, a PRF prende homem pelo crime de descaminho
Propaganda

CIDADES

Servidor e amigo têm números incluídos em anúncio de atores pornô

Publicados

em

Servidor público e um amigo, ambos de 41 anos, registraram boletim de ocorrência para denunciar que seus números de telefones foram incluídos em um anúncio de seleção de atores de filmes pornográficos. O caso foi registrado em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), na última quarta-feira (13).

O anúncio circulou nas redes sociais durante essa semana. A imagem informava sobre uma seletiva para atores pornôs no município, seguido de vários pré-requisitos. Por exemplo, quem se interessasse pela vaga não poderia ter vergonha, ter disponibilidade para viagens internacionais, pênis acima de 13 centímetros e não ter nojo de vagina.

A inscrição seria no valor de R$ 15 e o cachê de R$ 1,6 mil por filme. Para contato, foi acrescentado o número das vítimas.

No boletim de ocorrência, os dois relataram que passaram a receber muitas mensagens, prejudicando o trabalho e a vida particular deles. 

Eles possuíam os números há 3 anos e usavam para assuntos comerciais. Os amigos desconhecem o autor do anúncio.

O caso foi registrado como preservação de direito. A Polícia Civil investiga o caso.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  MPE denuncia ex-prefeito em Tangara da Serra e exige devolução de R$ 7,5 milhões
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA