MATO GROSSO

NOVO DECRETO: Governo de MT permite eventos com medidas de segurança e capacidade limitada

Serão permitidos eventos com limite de pessoas e capacidade de 50%; para os cinemas e teatros, limite será de 40%

Publicados

em

O Governo de Mato Grosso publicou novo decreto no qual passa a permitir a realização de eventos sociais, empresariais, e exibição de filmes nos cinemas e espetáculos teatrais com capacidade limitada durante a pandemia.

O Decreto nº 605 foi publicado em Diário Oficial Extra que circula nesta sexta-feira (21.08), e autoriza a retomada gradual do setor de eventos, que é um dos ramos mais prejudicados pela pandemia do coronavírus e está praticamente paralisado desde março.

“Milhares de famílias mato-grossenses que dependem desse setor foram atingidas pela paralisação das atividades e agora serão beneficiadas com essa retomada. Essas pessoas estão há muitos meses com dificuldades e precisam garantir o seu sustento. Mas as atividades permitidas deverão ser realizadas de forma a obedecer aos protocolos de distanciamento social e higiene, resguardando a saúde de todos”, afirmou o governador Mauro Mendes. 

O secretário de Cultura, Esporte e Lazer, Alberto Machado, frisou que o Governo do Estado tem envidado todos os esforços para articular soluções que reduzam os danos da pandemia na vida dos trabalhadores do setor cultural e de eventos. 

“Essa decisão é muito importante e mostra a sensibilidade do governador Mauro Mendes em entender que, com responsabilidade e respeitando as regras sanitárias e de distanciamento, é possível reabrir gradualmente esse segmento, que foi um dos primeiros e mais atingidos pela pandemia, e até hoje está totalmente parado. Vamos continuar buscando alternativas”, ressaltou.

As normas 

Conforme as novas regras, passam a ser permitidos eventos sociais com no máximo 100 pessoas por evento, respeitado o limite de 50% por cento da capacidade máxima do local, “tendo como base o metro quadrado e o espaçamento de 1,5m entre pessoas”.

Em relação aos eventos corporativos, empresariais, técnicos e científicos, serão permitidas até 200 pessoas por evento, também com limite de até 50% da capacidade do local. Já nos eventos no formato “drive in” está autorizada a capacidade de até 500 carros por evento.

Os cinemas e teatros também poderão ser reabertos com limite de público de até 40% da capacidade máxima do local, sempre respeitando o distanciamento de 1,5m entre as pessoas. 

Os responsáveis pelos estabelecimentos deverão observar os protocolos de saúde e normas sanitárias.

“Tais como a medição da temperatura corporal das pessoas na entrada dos estabelecimentos, impedindo sua entrada em caso de registro igual ou superior a 37,8º, o distanciamento mínimo necessário entre as pessoas, a utilização de máscaras, a disponibilização de materiais de higienização (álcool na concentração de 70% e/ou água e sabão), limpeza e desinfecção do local antes e após a realização de cada evento/sessão”, consta no decreto.

Confira a íntegra do decreto:

DOWNLOAD 

  • Decreto 605 sobre eventos
Leia Também:  Pagamentos de todos os tributos ao Governo de MT agora podem ser feitos nas lotéricas

COMENTE ABAIXO:
Propaganda

CIDADES

Ação integrada prende nove pessoas envolvidas em roubo de mineradora em Nova Lacerda

A ação resultou na apreensão de armas de fogo, material para refino de ouro R$ 6,9 mil em dinheiro, além de outros objetos de origem ilícita.

Publicados

em

Assessoria/Polícia Civil-MT

Nove pessoas envolvidas no roubo de uma mineradora, ocorrido na noite de sábado (28.11), no município de Nova Lacerda (644 km a oeste de Cuiabá) foram presas em flagrante em ação rápida das forças de segurança da região de fronteira, realizada menos de 24 horas do crime. Na ação foram apreendidos veículos, armas de fogo e dinheiro.

Os suspeitos foram autuados em flagrante pelos crimes de latrocínio tentado e associação criminosa.

Participaram dos trabalhos, as equipes da Policia Civil da Delegacia de Pontes e Lacerda, Comodoro, Vila Bela da Santíssima Trindade, Gerência de Operações Especiais (GOE), Polícia Militar, Grupo Especial de Fronteira (Gefron), com apoio do Centro Integrado de Operações Aéreas (Ciopaer).

O crime ocorreu por volta das 22 horas, quando aproximadamente 15 homens chegaram à mineradora, a pé pela mata  e renderam os seguranças. Durante a ação, os criminosos agiram com estrema violência, efetuaram disparos de arma de arma de fogo e subtraíram uma caminhonete Toyota Hilux além de objetos das pessoas que trabalham no local.

Assim que foi acionada do roubo, a equipe da plantonista da Polícia Civil sob o comando do delegado João Paulo Berté acionou as demais Forças de Segurança que iniciaram as diligências e com bases em informações colhidas conseguiram identificar e prender alguns dos envolvidos nos crime.

Com os suspeitos foram localizados três veículos,  um Fiat Uno, um Fiat Palio e um Hiunday Santa Fé, além da caminhonete Toyota Hilux roubada da mineradora. Os suspeitos foram conduzidos à Delegacia de Pontes e Lacerda e confessaram a participação no crime, autorizando posteriormente buscas em suas residências.

Em continuidade as diligências foram realizadas as buscas nas casas, onde foram apreendidas armas de fogo, material para refino de ouro e R$ 6,9 mil em dinheiro, além de outros objetos de origem ilícita.

Segundo o delegado, João Paulo Berté, mesmo tentando ocultar suas identidades utilizando apetrechos como bala clavas no momento do crime, os suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas por outros aspectos fiscos diversos dos rostos.

Ainda de acordo com o delegado, há cerca de 60 dias ocorreu um furto na mineradora, fato que teria sido praticado pelo mesmo grupo criminoso, demonstrando que os suspeitos tinham conhecimento do local.

“Em ação rápida e integrada das forças de segurança, foi possível identificar e prender parte do grupo envolvido no crime, que confessou que estava planejando o roubo há aproximadamente um mês. As investigações estão em andamento para prender os outros envolvidos no crime”, disse o delegado.

O secretario de Segurança Pública, Alexandre Bustamente, destacou que a ação integrada demonstrou mais uma vez que o crime organizado está perdendo espaço em Mato Grosso. “É mais uma mostra da eficiência da área de segurança no combate a crimes de grande monta procurando dar a resposta cada vez mais rápida, resultando na recuperação do patrimônio roubado e desarticulação do grupo envolvido na ação criminosa”, destacou.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Motociclista morre após colidir com caminhonete na MT 339 em São José dos Quatro Marcos
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA