MATO GROSSO

Quatro corpos são encontrados com sinais de execução próximo de Aripuanã, um deles foi carbonizado

Foram assassinados mãe, filho e o marido, além de uma quarta pessoa que estava com as vítimas num veículo

Publicados

em

Quatro pessoas foram brutalmente assassinadas possivelmente no final de semana na cidade de Aripuanã, noroeste de Mato Grosso. Os corpos das vítimas foram encontrados com sinais de execução nesta segunda-feira, dia 23, numa mata entre Tutilândia e Aripuanã, no Mato Grosso.

Uma das vítimas identificada como Deuzilene Tavares, de 40 anos, conhecida como “Babalu” teve seu corpo completamente carbonizado. Informações iniciais são de que o filho dela Luiz Felipe, de 19 anos, e o marido dela identificado apenas como Maiado também foram mortos no local, além de um outro homem que supostamente teria pego carona com as vítimas que também foi assassinado.

De acordo com as primeiras informações, os corpos, dois deles algemados, estavam ao lado de um veículo que também foi incendiada tudo isso para dificultar os trabalhos da perícia oficial que já se deslocou para o local juntamente com uma equipe de policiais civis da regional de Juína.

Num aplicativo de mensagem circulam áudios em que relatam que uma quinta pessoa que seria uma mulher teve sua vida poupada pelos executores, ela estava gestante e teria sido trazida até Juína e depois foi ordenada para ir embora se não morreria.

A polícia civil vai apurar os reais motivos dos assassinatos bem como autoria, no entanto, uma das hipóteses que foram levantadas é que as execuções tenham algo relacionado com o garimpo daquele município, porém as investigações deverão esclarecer com precisão todos os fatos.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Em Lucas do Rio Verde: Mulher tem 36% do corpo queimado após acidente doméstico
Propaganda

CIDADES

Servidor e amigo têm números incluídos em anúncio de atores pornô

Publicados

em

Servidor público e um amigo, ambos de 41 anos, registraram boletim de ocorrência para denunciar que seus números de telefones foram incluídos em um anúncio de seleção de atores de filmes pornográficos. O caso foi registrado em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), na última quarta-feira (13).

O anúncio circulou nas redes sociais durante essa semana. A imagem informava sobre uma seletiva para atores pornôs no município, seguido de vários pré-requisitos. Por exemplo, quem se interessasse pela vaga não poderia ter vergonha, ter disponibilidade para viagens internacionais, pênis acima de 13 centímetros e não ter nojo de vagina.

A inscrição seria no valor de R$ 15 e o cachê de R$ 1,6 mil por filme. Para contato, foi acrescentado o número das vítimas.

No boletim de ocorrência, os dois relataram que passaram a receber muitas mensagens, prejudicando o trabalho e a vida particular deles. 

Eles possuíam os números há 3 anos e usavam para assuntos comerciais. Os amigos desconhecem o autor do anúncio.

O caso foi registrado como preservação de direito. A Polícia Civil investiga o caso.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Homem grava vídeo estuprando menina com paralisia
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA