PONTES E LACERDA

Alunos do projeto Judô e Vida recebem novos materiais para a prática do esporte em Pontes e Lacerda

Publicados

em

Imagem Ilustrativa

Realizado há quatro anos pela Polícia Civil de Pontes e Lacerda (448 km a oeste de Cuiabá), o Projeto Judô e Vida realizou um evento para entrega de materiais ligados ao esporte, na noite de quarta-feira (18.11).

Os produtos entregues aos alunos do projeto foram adquiridos através de recursos de Ministério Público, destinados por meio do Conselho de Segurança (Conseg). Para instrutora do projeto, Luana Lombo, é um momento de gratidão que demonstra que o projeto está crescendo cada vez mais , ajudando jovens de Pontes e Lacerda.  

“Graças a Deus, e a ajuda da Polícia Civil e dos Poderes de Pontes e Lacerda podemos cuidar dessas crianças. Sabemos que grande parte dos nossos alunos tem seus problemas deles sociais, então buscamos o apoio para esse trabalho e para que um dia o projeto tenha a sua sede  própria para ajudar ainda mais essas crianças, proporcionando mais atividades  para elas”, disse.

O delegado regional de Pontes e Lacerda, Clayton Queiroz, afirma que o projeto é resultado de uma integração entre a comunidade e a Polícia Civil de Pontes e Lacerda

 “É um retorno muito grande para um sonho que começou em 2016 com o investigador Hélio, e apoio do Ministério Público, Poder Judiciário, Conseg, que acreditaram no projeto para integrar a comunidade com a Polícia e dar oportunidade para os jovens de famílias carentes de Pontes e Lacerda através do esporte”, disse.

Aluna do projeto há três anos, Kayla Gomes,  já conquistou várias medalhas, e a agora a participação no campeonato brasileiro disse que é um grande momento para o projeto e seus participantes. “É a recompensa por todos os dias que nos dedicamos aos treinos e a conquista para participar do campeonato nacional já é o troféu pelo esforço, sendo uma grande emoção  cada conquista”, disse.

Participante do projeto desde o início, Evelyn Silva, disse que através das aulas passou a ter várias melhorias em sua vida, inclusive nas relações interpessoais“Aqui aprendemos ter muita responsabilidade com as coisas, não chegar atrasado nos treinos e ter respeito com os outros, assim como amor ao próximo”, finalizou a aluna.  

Assessoria/Polícia Civil-MT

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ação integrada apreende 72 kg de pasta base de cocaína que saiu de Vila Bela da Santíssima Trindade
Propaganda

CIDADES

Servidor e amigo têm números incluídos em anúncio de atores pornô

Publicados

em

Servidor público e um amigo, ambos de 41 anos, registraram boletim de ocorrência para denunciar que seus números de telefones foram incluídos em um anúncio de seleção de atores de filmes pornográficos. O caso foi registrado em Rondonópolis (212 km ao sul de Cuiabá), na última quarta-feira (13).

O anúncio circulou nas redes sociais durante essa semana. A imagem informava sobre uma seletiva para atores pornôs no município, seguido de vários pré-requisitos. Por exemplo, quem se interessasse pela vaga não poderia ter vergonha, ter disponibilidade para viagens internacionais, pênis acima de 13 centímetros e não ter nojo de vagina.

A inscrição seria no valor de R$ 15 e o cachê de R$ 1,6 mil por filme. Para contato, foi acrescentado o número das vítimas.

No boletim de ocorrência, os dois relataram que passaram a receber muitas mensagens, prejudicando o trabalho e a vida particular deles. 

Eles possuíam os números há 3 anos e usavam para assuntos comerciais. Os amigos desconhecem o autor do anúncio.

O caso foi registrado como preservação de direito. A Polícia Civil investiga o caso.

COMENTE ABAIXO:
Leia Também:  Ministério da Saúde vai à Índia para buscar 2 milhões de doses da vacina contra a Covid-19
Continue lendo

CIDADES

MATO GROSSO

POLICIAL

MAIS LIDAS DA SEMANA